Arquivo da categoria: Carnes

Rodízio de delícias nos jantares do Café com Arte

Essa semana o Café com Arte me convidou pra conhecer os queridos expositores da Autoral Feira Criativa, que vai ter uma edição por lá no dia 02 de dezembro, com lindas peças cheias de história pra gente resolver a questão de presentes natalinos. Além dessa troca de cartões com os artesãos, que foi muito especial, tivemos um farto e colorido almoço pra conhecer a nova proposta de jantar do Café com Arte.

——->

Para gregos e troianos se refestelarem, porque todo mundo tem seus dias de apetite insano, o Café com Arte criou um rodízio completo, mas, ao mesmo tempo, autoral e delicado. A coisa toda começa nesse Black Friday e, a partir da semana que vem, você pode desfrutar de um jantar completo e ilimitado por R$ 65 de terça a sexta.

Por que você precisa conhecer: massas feitas na casa, ingredientes com procedência e qualidade e respeito às receitas.

A salada de culatello com parmesão e tomate seco abre a sequência.

Fetuccini de manjericão ao molho de tomate

O risoto caprese foi a minha etapa preferida: com muçarela de búfala mesmo

Um franguinho grelhado pra quem é das carnes

Essa receita de ravióli é superbem executada e tudo feito à mão, delicadamente. Dentro dele, cebolas caramelizadas. Servido com manteiga e sálvia.

Um filezinho pra quem curte, que fica muito bom com a calda de frutas vermelhas ao vinho.

Ainda um risoto de bacon com alho poro

E fechando, um último espaguete com culatelo.

A sobremesa é coisa que eu adoro demais: simples e infalível banana flambada com sorvete de creme.

————>

Essa é toda a sequência do que há pra comer no rodízio. Adicione-se a música, a arte em todos os cantos e o cafezinho do final. Mais uma experiência bem bolada do Café com Arte Bistrô <3

 

Café com Arte Bistrô

Nota no Google: 4,7 de 5,0

Nota no Trip Advisor: 4,5 de 5

Rua Marques de Souza nº 354, Bento Gonçalves

Aberto de terça a sábado, no almoço e no jantar

Facebook: clique aqui!

Nova Petrópolis: o fogo é rei na Osteria di Valli

A brasa viva dançava de um lado ao outro sob a grelha, espalhada e acomodada e pelo suis chef pra tomar conta da parrilla inteira. A cozinha de fogo é tudo o que existe de mais ancestral na gastronomia: você precisa de bons ingredientes e, sobretudo, de tempo.

Eu, que gosto de observar a cozinha e as traquitanas do cozinheiro, fiquei realizada com as mesas ao ar livre da Osteria Di Valli, em Nova Petrópolis, com vista direta para o preparo dos pratos assinatura do chef Enio Valli.

No centro de Nova Petrópolis, a casa tem um menu de massas e carnes e mesas silenciosas num salão sóbrio – quem sabe para um almoço de negócios ou um dia de chuva – mas a grande atração é mesmo comer na varanda, observando os movimentos do cozinheiro e a montagem dos pratos. E, estando acomodada com vista para o braseiro, não existe melhor opção do que se permitir o menu degustação – disponível em duas versões: filé ou cordeiro.

Ponto de partida: espetacular salada de abobrinhas finíssimas com pimentões assados na brasa, pesto, copa defumada, nozes tostadas e raspas de limão. Uma combinação harmoniosa.

A empanada assada na brasa da parrilla vem coroada por uma salsa criolla ótima…

…e abre caminho para o ravióli colorido na manteiga e sálvia, que eu pontuo como bem suculento.

Eis que chega a estrela da osteria: sobre a cama de batatas ao murro, o cordeiro preparado na lentidão do braseiro, o limão braseado e a geleia de uva. Aroma intenso e sabor ancestral, como a comida feita no fogo deve ser.

Depois de um prato tão marcante, é bom encerrar com a doçura delicada do tiramisù – molhadinho, como se pode ver na foto.

 

Osteria Di Valli

Rua Quinze de Novembro, 1860, Nova Petrópolis (RS)

Aberto de quarta a domingo: nas quartas para o almoço; de quinta a sábado para almoço e jantar e no domingo para o almoço

Facebook: acesse aqui!

Menu de novidades Tabacaria Benvenuto

Já se passaram três anos desde que a Tabacaria Benvenuto abriu as portas da pequena garagem em Garibaldi (relembre aqui!). Um balcão, três mesinhas e os quadros de família emoldurados em azul. Tudo muito pequeno, mas autêntico até o último gole de vinho. Algumas coisas mudaram nesses três anos: mais espaço com um novo salão e, agora, um menu novinho em folha. Outras serão como sempre foram. Meu lugar cativo continua sendo o balcão e o limoncello da casa tem o mesmíssimo sabor de feito em casa.

DSC_3947

Dia desses me convidaram pra provar alguns dos novos pratos que entram no menu em agosto. Duvido você não desejar o mesmo.

 

DSC_3927

Uma das novidades pra quem não pode/não quer passar da conta no jantar é a salada de folhas com um belo brie ao forno e cogumelos da estação: R$ 35,00.

DSC_3922

Acompanhei com uma pink limonade rosa que eu simplesmente amei (sem álcool). Com limão siciliano do pomar da Tabacaria e uma pitada de suco de cranberry R$ 10,00.

DSC_3935

Há que se tirar o chapéu pra nova tábua da casa, espetacular: prime rib, um inusitado purê de batata doce com hortelã e cogumelos da estação. R$ 50,00.

DSC_3941

O fechamento é de ouro: crepe de doce de leite com sorvete…tudo polvilhado com canela.

DSC_3951

Outras tábuas, a volta do talharim de espinafre com molho de gorgonzola e tostex de banana com nutella são mais novidades do cardápio. Tão bom quanto os novos pratos da casa é saber que a Tabacaria Benvenuto conquistou seu público fiel para a posteridade. Inclui-se o Culinarismo! <3

 

Tabacaria Benvenuto

Nota no Foursquare: 8,6 de 10

Nota no Trip Advisor: 4,5 de 5


Rua Dante Grossi, 249, Garibaldi

Aberto de terça a sábado, das 11:30 às 13:30 e das 18:30 à meia noite

Facebook: clique aqui!

A viagem gastronômica do My Way agora também no almoço

Quando um chef de cozinha te convida a sentar no porão da casa dele, conhecer suas coleções de cardápios do mundo, bibelôs e cédulas antigas, esse só pode ser um momento especial. O My Way do chef Maurício Crippa deixa as pessoas à vontade, como estando na casa de um amigo. Logo na entrada, um aparador com fotos da família é que dá as boas vindas. Sentiu o nível de intimidade que você terá com o anfitrião?

DSC_3684

Pois chegue de peito aberto e embarque na viagem que o chef oferece pelas principais cozinhas do mundo.

DSC_3683

O cardápio é itinerante e já postei aqui um jantar indiano que provei e aprovei mesmo sem saber das andanças do Maurício pela Índia. Pois, agora, o My Way, amplia sua programação de jantares étnicos nas sextas e sábados, oferecendo almoço a La carte aos sábados e domingos. O menu é completo: couvert, entrada, prato principal e sobremesa. O cliente escolhe a massa e a carne de preferência; o resto é surpresa.

DSC_3682

Preciso revelar aqui que sou apaixonada pela caponata do chef Maurício e, sempre que tenho em casa, sucumbo aos alertas do chef de comer só um pouquinho por vez. Como couvert no almoço, ele serve justamente a caponata da casa com pão de fermentação natural.

DSC_3687

Nesse dia em que revisitei o My Way, a chuva não dava trégua, então a entrada de minestrone caiu como uma luva pra confortar.

DSC_3692

A massa e a carne do prato principal são à escolha do cliente. Pra mim, naquele dia, pareceram apropriadas as mezzelunes trentinas (massa recheada com escarolas e bacon, molho de natas) e filé Cordon Bleau (recheado com copa e queijo, molho espanhol).

Esqueci de fotografar a sobremesa, que era um creme de laranjas do quintal com calda de merlot. A experiência toda (exceto bebida) por 60 pilas!

Essa vida culinarística nem sempre me permite repetir os restaurantes tanto quanto eu gostaria. Mas em defesa do My Way, eu digo e repito que é um dos lugares onde mais me sinto à vontade. Onde eu poderia tranquilamente ir de pantufas e tomar um vinho sossegada. Só não o faço em respeito ao chef (risos)!

 

My Way Cozinha Universal

Rua Francisco Ferrari, 656, Barracão, Bento Gonçalves

Reservas: (54) 98118-3398

Facebook: clique aqui!

Lembranças de uma Dolce Italia na Escola de Gastronomia da UCS

Não faz muito, abriu ao público o restaurante da Escola de Gastronomia da UCS, em Flores da Cunha.

DSC_3511

Com toda a influência da gastronomia italiana característica da região e sob comando do chef italiano Mauro Cingolani, a casa batizada de “Dolce Italia Ristorante Scuola” serve menu semanal de entrada+prato principal + sobremesa,  além de um cardápio permanente de grelhados. O lugar é uma graça e o atendimento, impecável como há muito eu não via.

DSC_3499

O mâitre, a gerente e os garçons flutuam pelo salão, falando entre si em tom inaudível para os clientes, mostrando-se disponíveis, mas sem perturbar excessivamente. Uma verdadeira escola de atendimento, registre-se. Envidraçado, o salão tem vista aberta para a sala de degustação onde se ministra o curso de sommelier internacional e outros.

A carta de vinhos é cuidadosamente selecionada, colocando a olhos vistos, na verdade, a reputação de todos os cursos oferecidos na escola. Era um sábado ameno quando estive no Dolce Italia para o almoço. Visitei a cozinha, apresentaram-me ao chef do dia e conheci toda a escola. Um roteiro pelas salas, cozinhas e auditórios é bem-vindo.

DSC_3513

Naquela semana, o menu corrente começou com uma sopa de queijo fontina com legumes.

DSC_3517

Uma lasanha desconstruída de ragu branco, espinafre e patê de azeitonas veio acompanhando a tilápia à moda mediterrânea. (ainda fiquei com saudade da sopa)

DSC_3520

E a sobremesa, um pudim de leite de coco com geleia de laranja. (Nada apaga a lembrança daquela sopa). Menu completo por R$ 49,90 (bebidas não inclusas).

Dolce Italia Ristorante Scuola

Aberto diariamente para o almoço

Avenida vindima, 1000, Parque de Eventos Eloy Kunz

Flores da Cunha

Reservas e informações: aqui!

Casa Valduga e uma releitura gastronômica do Cammino di Caravaggio

Se vivemos tempos de transição de valores, comportamentos e consumo, a gastronomia passa pelo mesmo embate. Tudo o que era glamoroso, caro e inacessível aos poucos dá espaço para a cultura, o genuíno e a exaltação do comum. Estamos trilhando um presente já não esnoba o passado e eu, particularmente, fico encantada com as habilidades de um cozinheiro em criar o inusitado a partir de insumos ordinários. Reproduzir ou adaptar a gastronomia clássica se faz com talento de execução, mas trazer à mesa um prato único com o que quer que a estação e o mercado local ofereça é o que diferencia a qualidade da excelência.

IMG_3543

Pois, a convite da Casa Valduga, o Culinarismo participou de um jantar experiência assinado pelo chef Fabrício Darós, que delicadamente homenageou o Cammino di Caravaggio com elementos conhecidos de todos nós, mas uma entrega digna da alta gastronomia.

O conteúdo e a experiência inspiradora foram organizados pela Focus Excelência. Olha só a primazia desses pratos:

IMG_3545

O antipasto “Santa Maria della Fonte”, para mim, o melhor capítulo do jantar: cesta de parmesão, polenta de milho branco com creme de mascarpone, alho assado, presunto cru. Aqui, a polenta foi servida levemente doce, contrapondo a presença forte do queijo e do preciutto. De fato, um primor.

IMG_3558

Como primo piatto, batizado “Da Bergamo fino alla Colonia Sertorina”, uma massa recheada com porco e ervas aromáticas ao molho de manteiga, guanciale, sálvia e grana padano.

IMG_3570

O secondo piatto, que leva o nome do próprio jantar – “Cammino di Caravaggio”, era um marcante pato braseado no vinho branco, alho e o primo do alecrim rosmarino, servido com berinjelas assadas.

IMG_3572

Giardino della Madonna foi o dolce que fechou a experiência: base de torta delle rose (algo como um brioche) servida com creme de laranja e moscatel, uma pitada de cacau e flores comestíveis.

O jantar Cammino di Caravaggio incluiu a programação da Casa Valduga para o Dia do Vinho 2017, que segue até o dia 04 de junho, com programação em todas as regiões brasileiras produtoras de vinho. Confira aqui!

A programação normal do restaurante Maria Valduga também é excelente. Foi, inclusive, o primeiro post desse blog, em 2013. Relembre aqui!

DiPaolo em pequenas porções  

 

Mais oportunidades de aproveitar o DiPaolo de um jeito econômico e sem pesar na dieta.

DSC_3437

A Casa DiPaolo Bento, aquela da Pipa Pórtico, espera aumentar em 20% seu movimento com uma novidade lançada ontem: porções rápidas e econômicas. Então, além do consagrado rodízio, a partir de maio você pode desfrutar do DiPaolo montando seu próprio cardápio.

DSC_3451

Podem ser entradas, saladas, carnes, massas e acompanhamentos com preço individual, de R$ 10 a R$ 80. Você escolhe o que quer e cria um almoço ou jantar ideal pro tamanho da fome. Eu, no lançamento, provei basicamente todos os itens do cardápio pra atestar mesmo a qualidade (risos).

DSC_3446

DSC_3443

Entrada (tábua de frios, gran formaggio e sopa de capeletti); Saladas (siciliana, radicci com bacon e salada de batata com maionese);

DSC_3455

DSC_3456

Carnes (galeto ao primo canto, filé mignon, entrecot, picanha, cordeiro e peixe congro);

DSC_3457

Massas (spaghetti, tagliarini, tortéi e nhoque – acompanhados dos molhos tradicional, tomate seco, funghi, nocciole, quatro queijos, alho e óleo, bolognese e pesto);

Acompanhamentos (arroz branco, batata frita, polenta frita ou brustolada e queijo à dorê).

 

Casa DiPaolo Bento

BR-470 / Km 217 (ao lado da Pipa Pórtico) – Bento Gonçalves (RS)

Aberto diariamente das 11h30min às 15h30min e de segunda a sábado, das 19h às 23h

 

Facebook: @casadipaolobento

Instagram: @casa.dipaolo

Caxias: um bar secreto pra chamar de seu!

Bares secretos eram aqueles que, especialmente em Nova York, burlavam a lei seca americana da época na calada da noite, escondidos no fundo dos restaurantes ou padarias, vendendo bebidas alcoólicas ilegalmente de 1920 até 1933. Seus clientes refestelavam-se falando baixinho, pela bebida e pelo perigo. Por isso, esses lugares ficaram consagrados como “Speakeasy” e ainda hoje atraem pelo fetiche. Em alguns só se entra com convite, outros deixam pistas para uma senha de acesso.

DSC_3314

Em Caxias do Sul, o Bar Secreto Wine & Beer intenciona a mesma aventura, mas com acesso bem mais facilitado. Ele tem fachada direta para a rua, quase como um convite à entrada. Mas não há letreiro nem luminosos…um desatento poderia facilmente passar direto sem notar a incrível experiência que o lugar oferece.

São dezenas de vinhos nacionais e importados em esquema de boutique ou outlet. É o chopp selecionado a dedo pelos donos nas melhores cervejarias artesanais do país. E o menu sazonal e dedicado à grelha da casa, mostrando a que veio em poucas e boas páginas.

DSC_3294

A receita de momentos memoráveis leva poucos ingredientes – alguns não se compram, outros valem quando custam. É como me senti no Bar Secreto Wine&Beer. O cabernet sauvignon sugerido pelo maitre, um chileno de 2012, abriu as portas de uma noite daquelas que se espera repetir em breve.

DSC_3301

 

Brie ao mel como sugestão da casa para entrada…

 

 

DSC_3316

…Enquanto a grelha trabalhava nos pedidos.

DSC_3331

O Burger Secreto tem uma receita nada secreta que consiste em tomate, rúcula, bacon e queijo. O segredo está no hambúrguer de picanha de angus que estava impecável no ponto e no sabor. Acompanha fritas: R$ 24,90.

DSC_3322

Ainda melhor que o Burger Secreto é o bife de chorizo que não precisa de nada além de uma pequena porção de farofa e umas polentinhas pra arrasar na noite. Tava suculento, tava incrivelmente macio, por R$ 32,90.

DSC_3303

Fiquei disputando bife e burger e, ao mesmo tempo, mirando o sino. Grandes noites se completam no Bar Secreto com uma forcinha da rodada dupla que o sino anuncia e que ficou para a próxima porque eu ainda estava sorvendo o tal cabernet chileno de 2012.

DSC_3336

E lá veio uma dupla delícia de waffles ao chocolate e morangos pra completar o que já estava ótimo. Obrigada, Bar Secreto, pela experiência toda. Voltarei. Voltaremos. 😉

 

Bar Secreto Wine&Beer

Avenida Rubem Bento Alves, 4575, Caxias do Sul

Aberto de terça a sábado, das 18h45min à meia noite

Facebook: clique aqui!

O restaurante de fogo do Mr Red

DSC_2841O pub abriu as portas com todo o apelo da noite, baladinha de quinta-feira, chopp gelado e galera reunida. Com um menu da semana, consegue servir uma boa quantidade de pratos combinados para o jantar, como filés e risotos. Mas existe um cantinho do menu assinado pelo chef Giordano Tarso que merece deferências. Preparos de fogo são a especialidade do chef e, na grelha do Mr Red, ele arrasa na suculência o no defumado.

DSC_2825

Provei duas das especialidades do chef e mais do que indico: recomendo! A linguiça é caseira e preparada para o Mr Red: um sabor marcante, picância moderada e ingredientes selecionados. O resultado é uma delícia de petisco para aperitivar com a novidade na carta de chopps da casa – a pilsen extra da Blauth Bier. A linguiça vem acompanhada de um pãozinho de alho fresco. Bem, bem legal.

DSC_2835

Outra delícia do Restaurante de Fogo do Mr Red é esse steak especial com batatas rústicas e arroz branco, uma baita pedida pro jantar.

DSC_2838

E, pra fechar divinamente esse jantar de  boteco, a doçura dos churros com calda de chocolate e umas frescurinhas deliciosas de hortelã e flores comestíveis.

Mr Red Bistrô Pub

Rua Herny Hugo Dreher, 356, Bento Gonçalves

(54) 3452-2250

Facebook: acesse aqui!

Sapore&Piacere: clube do bolo e outras novidades!

Sexta-feira é dia de bolo na Sapore&Piacere. Com o Clube do Bolo, a chef Mária Dalla Chiesa propõe adoçar o seu fim de semana em família ou reunir o pessoal do trabalho com um cafezinho delícia pra fechar o expediente. Toda sexta, um sabor diferente e um bolo entregue quentinho onde o cliente indicar. É a cara do outono!

DSC_3113

Aproveitei a visita que fiz pra conhecer o projeto e dei uma esticadinha no almoço, reafirmando a excelência do pequeno bistrô, que trabalha com os ingredientes da semana e tem uma mesa de antepastos aclamada pela clientela.

DSC_3122

A mesa de antepastos, como eu já disse, é impecável e pode muito bem valer por uma refeição. Aliás, vamos esclarecer sucintamente que o Sapore&Piacere trabalha apenas com prato do dia para o almoço (a exceção dessa semana. De 28 a 31 de março, em virtude da Fimma Brasil, o restaurante vai abrir para o almoço e jantar). Voltando aos antepastos, são sempre frescos, coloridos e sazonais, como a natureza.

DSC_3124

Você pode escolher um almoço completo, com entrada à vontade + o prato principal ou ficar apenas na mesa de antepastos – ou, ainda, pular essa primeira parte do almoço, o que é absolutamente desaconselhável.

DSC_3144

É tempo de grandes figos no Sapore&Piacere. Direto da mesa de antepastos, com quiche de queijo e moranga, estavam doces e suculentos.

DSC_3137

Como pratos principal, polêmicas à parte, estava delicioso o contrafilé com cobertura de provolone, servido com batata doce laranja (que eu simplesmente amo), farofa e brotos. Não é espetacular o colorido do prato?

DSC_3127

Pulei a sobremesa por questões ideológicas (mentira, é tentando dosar os excessos mesmo), mas elas são igualmente apetitosas. Mais adiante, ainda nesse ano, o Sapore&Piacere vai completar 10 anos no mesmo ponto, com o mesmo cuidado e sempre a assinatura da chef Márcia Dalla Chiesa.

Sapore&Piacere

Rua Dr. Casagrande, 500 – Bento Gonçalves – RS

  1. 3055-4586

http://www.saporeepiacere.com.br/

Facebook: acesse aqui!