Arquivo da tag: comida brasileira em São Paulo

São Paulo: deslumbrada pelo despojado Tavares

Quando eu dou aquela suspirada e meus olhos brilham logo na porta de um restaurante, não tem explicação. Existem lugares de comida impecável, outros que me contagiam pela alegria dos anfitriões e aqueles que apaixonam pela filosofia que carregam – mas, assim, de impacto na chegada, não é sempre. Então cheguei ao Tavares cansada de um dia de trabalho e de cara o que se apresenta na entrada é o bar despojado e o barman atrás do balcão com uma coqueteleira dançando entre as mãos.

DSC_4159

O Tavares funciona num casarão dos anos 1950, todo reformado, mas sem perder a aura residencial. O ambiente é reflete isso, com toda aquela coleção de objetos cuidadosamente escolhidos pra compor a decoração, mas que parecem as lembranças de uma vida toda.

DSC_4163

Num jardim de inverno, logo à esquerda de quem chega, uma pequena sequência de mesinhas para dois emolduradas pelo grande letreiro que celebra o amor.

DSC_4156

Mais adiante, o salão principal do Tavares se abre no grande quintal onde tudo acontece – ao ar livre, vista para as estrelas, mas com uma cobertura retrátil para dias não tão amenos. Dali se pode ver a cozinha e o chef trabalhando, o forno de barro para dias de pizza, um piano esperando pelo musicista e uma imponente estante de recheada de livros.

O menu é descomplicado, aconchegante e representa bem o que podemos chamar de comida brasileira. As opções são poucas, o que particularmente me agrada porque sempre reforça a impressão de comida fresca. A casa tem sempre um prato do dia para o almoço com preço girando entre R$ 30,00.

DSC_4171

Nesse dia estive para jantar e acabei provando um pouco de tudo. De suspirar os bolinhos de arroz, servidos com pimenta da forte. Memórias da infância voltaram nesse exato instante.

É tão bom que deixo pra vocês a receita exclusiva do bolinho do Tavares, que, de fato, é diferente daquele que minha mãe fazia pra não jogar arroz fora.

DSC_4183

Esse prato. Tão deliciosamente despretensioso. Peixe amarelo, legumes e salada – o palmito delicioso, os aspargos no seu melhor ponto.

DSC_4190

E a sobremesa amiguinhos: cama de goiabada, sorvete de tapioca, queijo canastra. Era tipo um cheesecake desconstruído, só que melhor.

DSC_4179

Ah, teve o gim tônica pra fechar o espetáculo com cortinas de veludo. Essa versão famosa do Tavares é aromatizada com gengibre, mel e tangerina (que, definitivamente, não era bergamota, então vou chamar como eles apresentaram). Essas bolinhas de zimbro, que são a plantinha de onde sai o maravilhoso gim, era só de enfeite. O garçom me avisou imediatamente depois de eu comer duas delas.

Com isso, encerro esse post. Visite o Tavares. Não coma as bolinhas de Zimbro (risos e mais risos)!

 

Tavares

Nota no Google: 4,4 de 5,0

Nota no Foursquare: 9,1 de 10

Nota no Trip Advisor: 4,5 de 5

Rua da Consolação, 3212, Jardim Paulista, São Paulo

Aberto diariamente: de segunda a sexta, das 11:30 a 0:00; sábados, das 10:00 a 1:00; domingos, das 10:00 às 17:00

Facebook: clique aqui!