Arquivo da tag: dona carolina

Dia do macarrão: as melhores massas já provadas por este blog

Hoje é o Dia Mundial do Macarrão. Quem não ama, quem não lembra da nona?

Decidi comemorar a data contando pra você quais foram as melhores massas já provadas nestes três anos de Culinarismo. Isto mesmo::: semana que vem comemoramos o primeiro triênio de blog. <3 <3 <3

São sete receitas que trago em ordem alfabética pelo simples motivo de não ser capaz de ranqueá-las. Buon apetito!!! 

Kho Phi Phi

Restaurante China Thai, Bento Gonçalves

Quanto: R$ 65,00

dsc_0118

A receita tailandesa leva frutos do mar, castanhas, uma misturinha muito louca de legumes e brotos e, por que não, uma certa dose de pimenta – grau 1, no meu caso. O prato leva a assinatura do chef Leandro Scotta, de volta a Bento Gonçalves depois de 10 anos na Austrália e Indonésia. Seu cantinho asiático é uma viagem para o outro lado do mundo em pratos da gastronomia chinesa, tailandesa e indonésia.

 

Nhoque na manteiga e sálvia

Tabacaria Benvenuto – Garibaldi

Quanto: 32,00

dsc_3352

Sempre que volto à tabacaria acabo repetindo o mesmo pedido: nhoque de espinafre ao molho de manteiga e sálvia, uma bela e simples receita que permanece no menu desde a inauguração do espaço, uma linda homenagem dos donos ao avô Benvenuto. Fotos dele adornam, com destaque, a parede da tabacaria.

 

Pasta fresca com trufas negras

Mercato Centrale – Firenze

Quanto: € 20.00

dsc_8193

No Mercato Centrale de Florença, tal qual a própria cidade, os elementos do passado e do presente convivem lado a lado. Essa pasta fresca foi minha primeira experiência real com trufas em quantidade suficiente pra se sentir o sabor marcante e incomparável. A família Savini preserva desde 1920 a tradição. O sabor da trufa negra não é algo simples de descrever. A sensação no paladar é de algo terroso, apimentado, que fica na boca por muito tempo. Espetacular!

 

Pasta gratinada com filé à milanesa

Dona Carolina – Garibaldi

Quanto: R$109,50

dsc_5600

O Dona Carolina não utiliza fritura em seus preparos, então esse filé à milanesa é, na verdade, assado. O prato de massa gratinada com filés é para duas pessoas e vem muitíssimo bem servido. Pedindo-se uma entrada ou uma salada, serve tranquilamente. Uma delícia.

 

Talharim ao molho de galinha caipira

Cobo Wine Bar – Bento Gonçalves

Quanto: R$ 35,00

dsc_1465

Voltarei ao Cobo Wine Bar para repetir esse prato quantas vezes puder – e beber, naturalmente. A acertadíssima receita de talharim ao molho de galinha caipira do chef Rafael Della Vecchia tem sabor caseiro. Massa fresca, feita na casa e cortada à mão. Do ponto ao molho, apenas espetacular pela simplicidade.

 

Tonnarelli cacio e pepe

Felice a Testaccio – Roma

Quanto: € 18.00

dsc_8437

Uma delícia que também cativa pela hipnotizante simplicidade. O Tonnarelli Cacio e Pepe é uma receita tipicamente romana que leva tão e somente massa, queijo pecorino e pimenta do reino. O segredo é a misturada que o garçom dá diante do cliente. O resultado é indescritível.

 

Tortellone artesanal aos camarões

Magnólia – Canela

Quanto: R$ 56,00

magnolia-tortellone

Se eu tivesse que descrever o Magnólia em apenas uma palavra, ‘experiência’ seria o termo ideal. Entre tantas especialidades da casa, surpreende o frescor do tortellone artesanal de limão siciliano e muçarela de búfala com camarões, tomate e manteiga de tomilho. Leve, delicioso e uma baita porção.

Dona Carolina, delícia de experiência

Tenho tido ótimas experiências com pera. Essa, em especial, tinha uma surpresa oculta….vou contar o que veio antes dela…

Comida autêntica, preço justo e atendimento impecável foram as impressões de minha primeira visita ao Dona Carolina, restaurante estrategicamente localizado na fronteira entre Bento Gonçalves e Garibaldi, dentro do conhecido Castello Benvenutti – que abriga, ainda, loja de móveis, uma pousada e uma filial da consagrada Casa Di Paolo. Por algum motivo que não sei bem especificar, demorei até o último fim de semana para conhecer essa simpática e bem servida opção gastronômica. Demorou, mas valeu a pena. Indico e voltarei. DSC_5587 A melhor maneira de testar o atendimento de um restaurante é chegar sem avisar. Faça isso acompanhado de uma criança faminta e impaciente. Se a equipe não estiver preparada, será um desastre iminente. Não por mal, mas por falta de planejamento, cheguei sem reserva e acabei esperando algo em torno de 30 minutos, mas pude fazê-lo desfrutando de um bom espumante e sentadinha em confortáveis cadeiras no pátio central do castelo, de onde fiquei observando as pessoas lá dentro. Todas pareciam satisfeitas e contentes.

DSC_5612A decoração ao estilo cantina te coloca no clima de um jantar quente, aconchegante e em porções generosas: bem ao estilo italiano. O diferencial da casa está expresso logo na primeira página do cardápio: o Dona Carolina utiliza métodos de cozimento baseados no menor uso possível de gordura! Não existem alimentos fritos no cardápio e essa é uma preocupação que, na nossa região e em restaurantes abertos ao público, é incomum. Gostei.

DSC_5593Indecisa e com fome, não dispensei os cogumelos recheados como entrada, que estavam saborosos. Penso em repetir a receita em casa. Indaguei o garçom e pareceu simples. São recheados com os próprios cogumelos, requeijão e ervas. No restaurante, custaram R$ 13,50. Precinho camarada.

DSC_5599Falando em camarada, não posso deixar de mencionar que, apesar do excelente atendimento, o Dona Carolina não cobra taxa de serviço. E isso está claramente expresso em todas as páginas do cardápio. Recentemente, tomei uma medida que considero justa e cabível: não pagarei mais percentual de serviço se o valor não for integralmente repassado aos garçons. Parece um impropério a casa reter estas gorjetas considerando que os custos da operação já estão embutidos na comida e bebida. Gostei da postura do Dona Carolina. Se não é pra repassar ao staff, que não se cobre. DSC_5600DSC_5608Chamei o garçom mais uma vez, intrigada com o modo de preparo do prato da casa. Considerando que o Dona Carolina não utiliza fritura em seus preparos, como então eles servem bife a milanesa? O garçom perguntou à cozinha e a cozinha garantiu que os filés são assados. Mais um ponto extra! Esse prato era para uma pessoa, mas vem muitíssimo bem servido. Pedindo-se uma entrada ou uma salada, serve um casal tranquilamente. A porção individual custa R$ 59,90; para dois, R$ 89,90.

DSC_5606Como havia pedido uma porção individual, decidimos também pedir uma costelinha ao molho agridoce da qual já ouvi muito falar. A porção para uma pessoa custou R$ 39,90 e o prato fez jus à fama. Sem contar o preço, mais uma vez justo.

DSC_5623A ideia não era pedir sobremesa alguma. Já estávamos bem servidos e, na verdade, pedimos pra embalar uma parte do porquinho. Mas as sobremesas começaram a chegar para outras mesas e eu confesso que tenho o péssimo hábito de ficar observando o que as pessoas pedem e qual sua reação ao comer. Assim sendo, nos rendemos ao excesso e pedimos um mousse de chocolate com cachaça, acompanhado de farofa de paçoca e licor. R$ 14,90. Que gracinha, né?

DSC_5629Mas, com todo respeito às opiniões divergentes, o melhor mesmo está aqui…pelos mesmos R$ 14,90, comi essa estonteante pera na calda de frutas vermelhas. A surpresa está dentro da fruta: um delicioso sorvete de mel.

Saí feliz e contente, pronta pra mais uma dessas batalhas que a gente enfrenta todo dia. É por momentos assim – de pequenos, mas incomparáveis prazeres – que tudo vale a pena.

 Dona Carolina

Endereço: RSC 470, Km 221,61, Garibaldi

Telefone: (54) 3388.3355

Aberto para o jantar, das 19h30min às 23h

Facebook: acesse aqui!