Arquivo da tag: ricordare

Degustando às cegas no Ricordare

A campanha das vinícolas brasileiras para descomplicar o consumo de vinho tem arrebatado mais e mais enoapaixonados que valorizam mais a companhia do que a safra ou o método de produção. Mas nem por isso todo ritual deve ser desprezado e uma degustação às cegas pode ser divertidíssima mesmo para o consumidor não especializado, como eu.

dsc_1800

O Ricordare vem promovendo com certa frequência eventos legais como confrarias e esta degustação às cegas com rótulos de quatro vinícolas locais: Aurora, Cave Geisse, Don Giovanni e Maximo Boschi. Já contei aqui como o lugar é bacana pra se estar com amigos. Uma experiência altamente boêmia por sua harmonização com crepes e outras comidinhas de lambuzar os dedos.

dsc_1807

Valeu a pena cada taça e ficou a sugestão para próximas ocasiões. Brut com pretzel salgado. Que tal?

 

Outros rótulos foram harmonizados com crepes, empanadas e pastel de Belém. No fim de cada prova, falava o sommelier da Refinaria Deli Gourmet sobre a harmonização e o representante da vinícola sobre o vinho ou espumante em questão.

dsc_1810

O ponto alto da noite foram os novos amigos feitos e as promessas de revival do evento. Pra ficar sempre atento aos eventos dos queridos Vanessa e Pablo, siga o Ricordare no Facebook!

Ricordare la bella Italia

Um café pra concentrar, uma taça de vinho pra acalorar, um gelato pra viajar direto à Itália, relembrando velhos dias de passo descompassado à beira do rio Arno. Um jovem músico tocando seu violino na Duomo. A buzina estridente das bicicletas pedindo passagem. O sol de outono refestelando-se nas minhas bochechas. Quando a Itália dentro de mim acende essas doces lembranças, é que eu sento no Ricordare e deixo a mente voar longe.

DSC_9848
Gosto do clima despretensioso, da cadeira de balanço e do pôr do sol privilegiado que a casa oferece, lembrando a todo momento que a dolce vita está onde eu estiver em paz comigo mesma.

DSC_9424

A história de Pablo e Vanessa, os jornalistas que abandonaram carreira pra viver esse sonho de receber e servir, é cheia de inspiração. Na Irlanda, eles fizeram dinheiro para o negócio. Na Itália, buscaram referências estéticas e receitas consagradas. É um lugar sem cerimônias, onde você senta e cruza as pernas, como no sofá de casa.

DSC_9414

Com grãos da irretocável Illy e usando apenas as receitas originais da marca, o Ricordare está sempre aromatizado pelo café. As receitinhas da chef Idana Spassini seguem a proposta descompromissada, os pedidos se fazem no balcão, a música naturalmente é italiana. Para o panini, pão especial da Pannero Panneteria.

DSC_9841

Tão bom quanto o café é o gelato, delicado, cremoso e servido com um toque da casa que faz toda a diferença: o sorriso vem de brinde. A receita italiana, artesanal e com base em ingredientes naturais, tem metade da gordura de um sorvete comum. Mais sabor, menos culpa.

DSC_9421

Correm notícias de que o pistache usado no sabor de mesmo nome vem realmente da Itália – o que, a mim, não soa estranho.  O sabor inesquecível é como uma obra de arte esculpida desde a escolha de sua matéria-prima. Afinal, em pedra vagabunda não se esculpe um David de Michelangelo 😉

DSC_9412

Olha a minha obra prima, sempre companheira dessas aventuras culinarísticas. Íntima de Vanessa e Pablo. 😀 <3

Ricordare

Avenida Planalto, 1029, Bento Gonçalves (RS)

Aberto de terça a quinta, das 14h às 20h; sexta e sábado, das 14h às 21h; domingos, das 15h às 20.

Facebook: Acesse aqui!