Arquivo da tag: serra gaúcha

Ricordare la bella Italia

Um café pra concentrar, uma taça de vinho pra acalorar, um gelato pra viajar direto à Itália, relembrando velhos dias de passo descompassado à beira do rio Arno. Um jovem músico tocando seu violino na Duomo. A buzina estridente das bicicletas pedindo passagem. O sol de outono refestelando-se nas minhas bochechas. Quando a Itália dentro de mim acende essas doces lembranças, é que eu sento no Ricordare e deixo a mente voar longe.

DSC_9848
Gosto do clima despretensioso, da cadeira de balanço e do pôr do sol privilegiado que a casa oferece, lembrando a todo momento que a dolce vita está onde eu estiver em paz comigo mesma.

DSC_9424

A história de Pablo e Vanessa, os jornalistas que abandonaram carreira pra viver esse sonho de receber e servir, é cheia de inspiração. Na Irlanda, eles fizeram dinheiro para o negócio. Na Itália, buscaram referências estéticas e receitas consagradas. É um lugar sem cerimônias, onde você senta e cruza as pernas, como no sofá de casa.

DSC_9414

Com grãos da irretocável Illy e usando apenas as receitas originais da marca, o Ricordare está sempre aromatizado pelo café. As receitinhas da chef Idana Spassini seguem a proposta descompromissada, os pedidos se fazem no balcão, a música naturalmente é italiana. Para o panini, pão especial da Pannero Panneteria.

DSC_9841

Tão bom quanto o café é o gelato, delicado, cremoso e servido com um toque da casa que faz toda a diferença: o sorriso vem de brinde. A receita italiana, artesanal e com base em ingredientes naturais, tem metade da gordura de um sorvete comum. Mais sabor, menos culpa.

DSC_9421

Correm notícias de que o pistache usado no sabor de mesmo nome vem realmente da Itália – o que, a mim, não soa estranho.  O sabor inesquecível é como uma obra de arte esculpida desde a escolha de sua matéria-prima. Afinal, em pedra vagabunda não se esculpe um David de Michelangelo 😉

DSC_9412

Olha a minha obra prima, sempre companheira dessas aventuras culinarísticas. Íntima de Vanessa e Pablo. 😀 <3

Ricordare

Avenida Planalto, 1029, Bento Gonçalves (RS)

Aberto de terça a quinta, das 14h às 20h; sexta e sábado, das 14h às 21h; domingos, das 15h às 20.

Facebook: Acesse aqui!

Menu lentamente cozido no Cannelè Bistrot

Pessoas ansiosas como eu brigam com o tempo, com o relógio e o ritmo das coisas. Pessoas como eu suspiram profundamente, como que pegando o último fôlego antes de um mergulho em águas turvas. É sem efeito. A vida tem o seu ritmo e ele está mais para uma clássica sopa de cebolas do que para um steak salteado em chapa quente.

Quando você recebe a sopa, ela é suave, conforta e esquenta a alma. Mas a natureza da cebola é ser um mistério de camadas e ferir os olhos de quem abruptamente lhe crava a faca. Para dar o melhor de si, a cebola precisa de um longo tempo em fervura, de um calor baixo e seguro que aos poucos revela sua doçura. Caros amigos, a vida e a gastronomia francesa têm muito em comum.

DSC_9449

Neste jantar no Cannelè Bistrot, em Canela, provei dignas adaptações da cozinha francesa. Todas lentamente cozidas, a seu tempo, revelando profundos sabores. Essa foi uma coincidência que só depois chamou minha atenção. Entre tantas opções de entradas e pratos frescos, sabe-se lá porque pedi tantos cozidos.

DSC_9454

Sobre o lugar, ele se mostra sóbrio, com sua luz baixa e suas pinturas da vida e personalidades parisienses. Bom para estar numa noite fria desse inverno que chega.

DSC_9455

Para entrada, nada mais invernal que a dita sopa de cebolas, aqui gratinada com Gruyère. Um prato que preenche.

DSC_9463

O prato principal já o tinha como indicação: bochecha de porco confitada ao molho de damasco e limão siciliano com purê de mandioquinha e ratatouille. Tão Paris esse prato. A gerente do Cannelè me contou que leva dias pra fazer. Estava realmente delicioso – e olhe que ultimamente não muitas receitas têm conseguido me seduzir.

DSC_9468

Tarte Tatin é uma torta francesa que leva o nome das irmãs que a criaram. Para as maçãs ficarem num perfeito ponto de cozimento, leva tempo. Ela não é doce em si, mas perfumada. Servida morna e com sorvete de creme, encerra um jantar que deixa uma lição às nossas vidas. O tempo é soberano de todas as coisas.

Cannelè Bistrot

Rua Danton Corrêa da Silva, 307, Canela (RS)

Reservas: (54) 3278-1499

Facebook: clique aqui!

Cogumelos outonais no Primo Camilo

As primeiras brisas do outono estão por aí. As mantinhas de soft já desceram do maleiro e quase nada me seduz mais que uma taça de vinho esticada no sofá e maratonando alguma coisa no Netflix. Mas o outono também traz outros aconchegos valiosos, como a temporada de cogumelos e a alquimia que eles provocam na cozinha do Primo Camilo.

DSC_9160

Sabe aqueles lugares que te fazem sentir bem-vinda? Nem muito barulho, nem muita cerimônia, cordialidade acima da média e comida calorosa.  É um tesouro de Garibaldi.

DSC_9164

Existe um menu, mas saiba que você terá uma experiência mais genuína se aceitar a sugestão do dia e os conselhos do seu anfitrião.

 

DSC_9395

Com uma adega a seu dispor, é divertida a busca pela melhor harmonização. Essa é uma das qualidades que o idealizador Altemir Pessali replicou depois no Pizza Entre Vinhos e que é sucesso garantido, porque insere o cliente no verdadeiro espírito do lugar.

DSC_9405

A casa já tem seus clássicos, como os filés, massas e risotos, que são sucesso de público e crítica. Com a farta colheita de cogumelos silvestres, a cozinha incorporou diferentes espécies a seus pratos principais e também criou novas receitinhas, como essa entrada de cogumelos Lactarius no pão. O resultado é quente e suculento, digno de uma noite de brisa fresca.

DSC_9408

Para o prato principal, nada mais singelo e outonal que um talharim ao funghi Porcini com pedacinhos de bacon e temperinho verde. Essa é a verdadeira comida que conforta, como um colinho de mãe ou aquela mantinha de soft.

A Trattoria Primo Camilo é um dos empreendimentos da Região Uva e Vinho que integram o Tour da Experiência, um projeto do SEGH em parceria com o Sebrae que  valoriza e promove experiências turísticas na Serra Gaúcha e outras quatro regiões no Brasil: Costa do Descobrimento, Caminhos do Brasil Imperial, Bonito e Belém.

Trattoria Primo Camilo

Av. Rio Branco, 1080

Contato: 54 | 3462.3333

Aberto de segunda à quinta, das 19h30min às 22h30min; sextas e sábados, das 19h30min às 23h

Site: clique aqui!